Deputada Iris embolsou 364,7 mil de salários, mas só trabalhou seis meses. Teria de devolver R$ 182,3 mil, diz Correio Braziliense

Reportagem do Correio Braziliense aponta que “nos últimos 12 meses, os parlamentares federais embolsaram R$ 364,7 mil em salário. Se fossem receber pelo que efetivamente trabalharam, deveriam devolver R$ 182,3 mil aos cofres públicos”.

O levantamento foi feito pelo jornal de Brasília englobando o período de 18 de outubro de 2012 a sexta-feira passada.

Em Goiás, a deputada Iris Araújo posa de paladina da ética e da moralidade. Devia dar o exemplo e devolver o dinheiro que receber indevidamente.

E aí, deputada, vai devolver?