Jornalista ataca estudantes de escolas particulares que passaram no vestibular: “playboyzada”

O jornalista, agitador cultural, produtor e comentarista da Rádio Interativa, Pablo Kossa, arrumou um novo alvo agora: os adolescentes de escolas particulares que passaram no vestibular da UFG e comemoram o feito no Parque Vaca Brava.

“Nada mais deprimente do que playboyzada do Bueno comemorando vaga da UFG no Vaca Brava. Papai pagou escola particular a vida inteira. Não fez mais que a obrigação.”, escreveu Kossa em sua página no Facebook.

A repercussão foi imediata e apareceram comentários variados sobre a polêmica levantada pelo jornalista. Outros jornalistas como João Camargo Neto e Eva Taucci curtiram a postagem de Pablo e parecem concordar com a análise.

A comemoração dos estudantes no Vaca Brava já virou tradição e sempre movimenta a região.

E você, concorda com Pablo Kossa? Só quem estudou em escola pública pode se sentir feliz em passar na UFG? Quem vem de escola particular não pode vibrar com sua conquista? Participe do debate…

print pablo