A oposição que temos: Iris e Vanderlan dão entrevistas de 2 páginas, cada um, e não apresentam nenhuma proposta

Dois candidatos a governador de Goiás, um em segundo lugar nas pesquisas e outro em terceiro, deram entrevistas neste fim de semana a jornais importantes: Iris Rezende falou ao Diário da Manhã e Vanderlan Cardoso à Tribuna do Planalto, cada um merecendo duas páginas.

Duas páginas.

E nenhum, nem Iris, que é o segundo colocado nas pesquisas, nem Vanderlan, que é o terceiro, formulou qualquer ideia, qualquer proposta para Goiás.

No total, quatro páginas de jornal. Centenas de frases e milhares de palavras. Mas – pode conferir, leitor do blog 24 Horas – Iris e Vanderlan não fazem nenhuma proposta, não apresentam nenhuma idéia, nenhum plano, nenhuma visão de futuro, nada.

Nada. Essa é a oposição que temos: só ataques, falatório, auto elogios e a certeza, tanto de um quanto de outro, que estão predestinados a governar Goiás pela graça de Deus.

E isso a 11 meses das eleições de 2014, quando, no início de outubro, o povo goiano irá às urnas para escolher o que é melhor para os seus interesses.