Vanderlan insiste na carreira solo, renova críticas e faz novos ataques a PMDB e PT

O ex-prefeito de Senador Canedo está mesmo convencido de que deve marchar sozinho e sair candidato (de novo) ao governo de Goiás em 2014.

Ele rechaça, em entrevista ao Diário da Manhã, qualquer possibilidade de se alinhar ao projeto liderado pelo PMDB e PT. Vanderlan faz críticas aos dois partidos e afirma preferir conversar com Júnior Friboi e Ronaldo Caiado do que com Iris Rezende e os petistas.

Vanderlan descarta também aproximar-se de Marconi Perillo. Enfim, o empresário-político não quer papo com a maioria das forças políticas do Estado e se acha a bola da vez.