Vanderlan continua contando lorotas sobre sua “equipe de pessoas técnicas”. Cadê os nomes? Cadê as propostas?

Na entrevista que concedeu à TV UNIKA, de Águas Lindas, que transmite vídeos pela internet, o empresário socialista Vanderlan Cardoso voltou a dizer que tem uma equipe de planejadores composta por “pessoas técnicas com bagagem acadêmica e científica” trabalhando na elaboração de um “plano de metas” para Goiás.

Vanderlan, de viva voz, assegura que há seis meses tem uma equipe de voluntários, “pessoas técnicas”, segundo ele, “do próprio Estado, que querem contribuir com o nosso plano de Governo”.

Não sai mais nada. O milionário desvia o assunto para uma declaração de intenções, garantindo que a “solução” para o Estado é uma “boa gestão” e que é isso que ele pretende fazer (portanto, os eleitores devem confiar e votar em Vanderlan porque ele garante que vai fazer uma “boa gestão”).

O blog 24Horas tem analisado cuidadosamente todas as falas, discursos e entrevistas de Vanderlan. Até agora, não encontrou nem um sinal remoto de que ele tem alguma proposta ou revela uma visão de futuro para Goiás.

E mais: o 24Horas não acredita nessa estória de “equipe de pessoas técnicas” trabalhando para elaborar um plano de Governo para o empresário. Por que ele não revela o nome dessas “pessoas técnicas”? Por que ele não diz onde e como elas estariam trabalhando? Por que ele, Vanderlan, não dá detalhes sobre o seu planejamento e, quando toca no assunto, não gasta mais de uma ou duas frases e foge rapidamente do tema?

Para o blog 24Horas, a resposta é simples: é tudo lorota de Vanderlan.