Aula de mau jornalismo: Popular generaliza problema pontual para desqualificar toda a rede Vapt-Vupt do Estado

O jornal O Popular pisou no tomate ao transformar um problema pontual de atendimento represado do Detran numa crise geral da rede de Vapt-Vupt do Estado, em reportagem publicada nesta quinta-feira.

O Popular relata: “quatro dias para pagar e ter em mãos o documento do veículo. Cinco horas para revalidar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH). São exemplos de experiências vividas por usuários do serviço rápido do Vapt Vupt, entre sexta-feira e ontem, na busca pelos guichês do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-GO), em algumas unidades fixas de Goiânia.”

Procurada pela reportagem a respeito dos problemas enfrentados pelos usuários no atendimento prestado pelo Detran-GO nas unidades do Vapt Vupt, informa texto, a Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan) informou, por meio de nota, que, ontem, 6 de novembro, vencia o prazo para a emissão de boleto para o pagamento do IPVA, para aqueles motoristas que optaram por parcelar a quitação do imposto e por isso houve uma sobrecarga de procura por usuários que deixaram para o último dia.

Ou seja: o Pop deu uma aula de mau jornalismo, forçando a barra numa notícia que não corresponde à verdade.