PT trabalha com saúde débil de Iris para lançar Paulo Garcia ou Gomide ao governo

A estratégia do PT em relação à corrida sucessória de 2014 já está montada e é clara: os petistas apostam num jogo de paciência com o PMDB, tensionando a relação e apostando no recuo de Iris Rezende com relação à candidatura ao governo no ano que vem.

Petistas entendem que Iris não terá saúde física para fazer campanha em tempo integral e deixará a candidatura cair de presente no colo do PT. Para isso, no entanto, os petistas precisam pressionar o PMDB e colocar seus nomes na mídia, para dar visibilidade e impedir a construção de novos nomes peemedebistas, como Daniel Vilela e Samuel Belchior.

Os petistas já saíram a campo e estão animados e dispostos a bancar a guerra de nervos com o PMDB. Até lá, não têm nada a perder. Pelo contrário.