Balanço de cinco anos de Gomide não teve impacto e mostrou uma gestão comum, bem arroz-com-feijão

O evento foi armado para ter uma grande repercussão, mas acabou não tendo impacto esperado.

Rolou apenas uma nota no Giro, apesar de ser a principal, e pequenos registros no Diário da Manhã e jorna O Hoje.

O fato é que o balanço dos cinco anos de Antônio Gomide na Prefeitura de Anápolis não trouxe relato de obras inovadoras e impactantes.

O prefeito, nome queridinho do PT para ser candidato em 2014, mostrou uma gestão bem arroz-com-feijão.

Segundo o Giro, “o prefeito Antônio Gomide (PT) fez ontem o balanço de sua gestão em Anápolis. Detalhe: o foco não foi 2013, mas os cinco anos de sua administração. Pré-candidato a governador, o petista destacou o crescimento econômico e geração de empregos na cidade, a atração de empresas, projetos para inclusão social e profissional, além de obras de infraestrutura. ‘Depois de 20 anos de problemas e de crise de credibilidade na administração municipal, conseguimos resgatar nos últimos cinco anos a autoestima entre os servidores da prefeitura e na população anapolina. Mesmo com as limitações financeiras, mostramos que é possível realizar com planejamento’, afirma Gomide, numa clara sinalização de possível bandeira para 2014.”