Perderam a vergonha: Paulo Garcia oferece secretaria a vereadores de bloco em troca e apoio na Câmara

Veja matéria do site da rádio 730:

Prefeito oferece secretaria a vereadores do bloco moderado em troca de apoio na Câmara

O parlamentar Zander Fábio defende que o grupo mantenha a mesma posição independente do primeiro ano de legislaturas, mas a tendência é que a proposta de Paulo Garcia seja aceita

Última atualização em Segunda, 06/01/2014 11:01h
O prefeito Paulo Garcia se reuniu na manhã desta segunda-feira (6) com vereadores do bloco moderado. O grupo recebeu o convite para compor a base aliada e assumir uma secretaria na reforma administrativa que será realizada neste início de ano.
Três vereadores participaram da reunião com o prefeito – Zander Fábio (PSL), Paulo da Farmácia (PROS) e Divino Rodrigues (PROS). No encontro ficou definido, que o bloco realizará uma reunião com a participação de todos os membros na tarde desta segunda-feira, na qual, será definida a decisão do grupo.

O apoio do bloco moderado se tornou fundamental para a prefeitura de Goiânia, principalmente, depois que a oposição conseguiu derrubar um projeto importante para o Paço Municipal, que era a atualização da planta de valores do IPTU e ITU. Em que pese o assédio do prefeito ao grupo se dar desde o início da atual legislatura.

De acordo com o vereador Zander, o objetivo da reunião desta segunda era de conhecer melhor o projeto da venda das áreas públicas que está tramitando pela Câmara dos Vereadores.

O parlamentar confirmou o convite do prefeito Paulo Garcia para que um dos membros do bloco assuma uma secretaria municipal, mas não revelou qual seria. Zander pediu um tempo para analisar a proposta juntamente com os demais companheiros, mas adianta a sua posição. “Num primeiro momento, eu entendo que devemos permanecer com a independência que tivemos neste primeiro ano,” aponta.

Zander destaca que o relacionamento do bloco com o prefeito sempre foi boa. Em relação a assumir uma secretaria, o vereador aponta que é preciso tudo ser muito bem conversado, para que não influencie na atuação dos parlamentares na Câmara.
A tendência é de que o grupo aceite a proposta do prefeito Paulo Garcia.