“Auxílio-marmitex” de Mauro Rubem vai a mais de R$ 23 mil em 2 anos. Por conta da Assembleia

O “auxílio-marmitex” do deputado Mauro Rubem (PT), referente aos dois últimos anos, chegou a R$ 23.734,43 – dinheiro que saiu dos cofres públicos estaduais, por conta da famigerada verba indenizatória da Assembleia Legislativa, e foi para a conta bancária do parlamentar.

“Auxílio-marmitex” é como estão sendo chamados os recursos da verba indenizatória que os deputados gastam com o item “alimentação parlamentar”, conforme as prestações de contas que eles mesmos apresentam e que são postadas, muito resumidamente, no site da Assembleia na internet, no link da verba indenizatória.

Ninguém explica o que é “alimentação parlamentar” nem que tipo de documentação sustenta o pagamento dessa despesa, se através de notas fiscais emitidas por restaurantes, se mediante simples declaração do deputado beneficiado.

Somente nos meses de janeiro e fevereiro, em que a Assembleia permanece em recesso por 45 dias, Mauro Rubem consumiu R$ 4.190,77 com “alimentação parlamentar”.