Vamos falar sério, né? Paulo Garcia não saiu da disputa de 2014, mas foi ejetado pelo seu fracasso administrativo

O prefeito Paulo Garcia (PT) anunciou que está fora da disputa de 2014 não se retirou da disputa por uma candidatura a governador por grandeza política ou para ajudar o consenso na aliança PMDB-PT.

O petista desistiu do projeto, que chegou a embalar em 2013, depois do seu fracasso à frente da Prefeitura Municipal, que enterrou qualquer sonho com a casa verde.

Foi isso que o moveu, nada mais.