Na ótica hipócrita do irismo, dinheiro de Friboi só é bom se for usado para financiar campanhas milionárias de Iris e dona Iris

O irismo tem sua lógica que a própria lógica desconhece.

A última do irismo é que Júnior Friboi não pode ser o candidato do PMDB ao governo por causa do seu dinheiro, que ele tem, e muito.

Até aí tudo bem.

Mas a hipocrisia mora no outro lado da moeda: o dinheiro do Friboi não serve para ele ser candidato mas sempre foi muito bem-vindo para financiar as campanhas milionárias de dona Iris e do marido Iris Rezende.

Haja cinismo.