Depois de protesto de militante gay, O Popular corrige título e retira viés homofóbico de matéria

Na manhã desta quinta-feira, o militante gay Liorcino Mendes protestou contra uma matéria que teria componente homofóbico no site de O Popular (veja link abaixo).

Agora à tarde, o jornal corrigiu o texto, conforme o próprio jornalista divulgou em seu Twitter:

Mais cedo tinha falado aqui da manchete anti-Gay da matéria : Homem é assassinado a pedradas por homossexuais em Goianira -Go, do popular

Veja a segunda versão da matéria:

Homem é morto a facadas e tijoladas em Goianira

Ludmilla Morais 09 de janeiro de 2014 (quinta-feira)
Mantovani Rodrigues
Goianira
Um homem de 46 anos foi encontrado morto na manhã desta quinta-feira (9), próximo a sua residência, na Rua Garcia do Idem, em Goianira, Região Metropolitana de Goiânia.

De acordo com o delegado da Polícia Militar (PM), Vinícius Teles, Moacir Carneiro da Silva foi encontrado desfigurado. “As testemunhas relataram que ele foi morto a tijoladas e facadas, por três homens”.

O delegado acredita que tenha sido um latrocínio, roubo seguido de morte. “Os suspeitos roubaram o salário que Moacir recebeu ontem”, afirmou o delegado.

Teles informou também que os suspeitos já foram identificados com a ajuda de testemunhas que presenciaram o crime. O paradeiro deles está sendo investigado.

 

LEIA MAIS:

Liorcino sugere que matéria do Popular sobre assassinato é tendenciosa com homossexuais