Mauro Borges apoiou Marconi em 98 para derrotar o império irista no Estado de Goiás

Desde que foi detonado por Iris Rezende da política goiana, o ex-senador e ex-governador Mauro Borges passou a trabalhar, mesmo sem mandato, para encerrar a hegemonia do seu desafeto em Goiás. Por isso, entrou de corpo e alma na campanha de Marconi Perillo em 1998, mesmo que o candidatura tivesse números ridículos nas primeiras pesquisas. O esforço de Mauro não foi em vão. Marconi destronou Iris e deu início ao resgate a historia do ex-governador, que sofria uma perseguição implacável do irismo.