Elias Vaz denuncia: prefeitura desperdiça dinheiro de aluguel com caminhões de limpeza

O vereador Elias Vaz, do PSOL, entregou hoje à tarde ao promotor Fernando Krebs, do Ministério Público estadual, uma representação contra a Prefeitura de Goiânia, por contratos de locação de veículos. “São contratos lesivos aos cofres públicos”, sustenta o vereador.

Na representação, o vereador garante que o Paço está pagando R$ 9,5 milhões para alugar caminhões de lixo pelo prazo de seis meses. “Isso apenas em dois contratos”, frisou, “enquanto a Prefeitura alega não ter recursos para adquirir esses caminhões. Mas está pagando no aluguel de seis meses o valor de quase uma frota nova”.

Elias garante que o Paço mantém dois contratos de caminhões sem licitação, modelo Toco de 15 m3, pra coleta de lixo, através das empresas Lopac (Locadora de Veículos e Equipamentos) e Metropolitana.

“A primeira empresa, diz ele, “ foi contratada em setembro do ano passado. Ela loca 25 caminhões, sem motorista, ao preço total de R$ 3,8 milhões, com custo de R$153 mil para cada caminhão, pelo prazo de seis meses. Com a segunda empresa, a locação é de 29 caminhões, com motoristas, feita em dezembro de 2012, também sem licitação, ao preço de R$ 5,7 milhões, pelo período de seis meses”.