Pop erra sobre caixa preta do TCE: Justiça não liberou divulgação dos salários

Erro feio da repórter Márcia Abreu na edição de O Popular deste sábado: ela afirma, na matéria “TCE: Justiça autoriza acesso a informações sobre servidores” que o Poder Judiciário concedeu liminar autorizando o acesso à lista de funcionários do Tribunal de Contas do Estado e os valores de suas remunerações.

Não é verdade.

A liminar, solicitada pelo procurador Fernando Carneiro, do Ministério Público de Contas, autoriza apenas a liberação da lista de nomes, mas não dos salários.

O próprio Fernando Carneiro, no blog Controle das Contas Públicas, no link: http://controledascontaspublicas.blogspot.com.br/, reproduz a liminar e comenta:

 

“Não obstante a vitória tenha sido parcial – pois o desembargador não concedeu acesso à informação sobre os salários dos servidores do TCE-GO –, o MPC entende que um grande passo foi dado, pois a sociedade goiana poderá agora saber ao menos quem são os servidores da Corte de Contas, bem assim os cargos por eles ocupados e outras informações de relevo para a sociedade.”.