Fim dos jornais impressos: Estadão passa a circular com apenas três cadernos

Enfrentando dificuldades para sobreviver, o jornal O Estado de S. Paulo apresentará um novo projeto editorial a partir do próximo dia 22, com enxugamento de cadernos e corte de pessoal.

Haverá também nova configuração de cadernos e um novo processo de produção industrial e logístico, que no final das contas resultará em redução do produto editorial – o jornal impresso.

O Estadão passará a circular com apenas três cadernos. O primeiro terá as editorias Política, Internacional, Metrópole – que passa a integrar o conteúdo de Vida – e Esportes.

O segundo será o caderno de Economia, que incorpora as seções Link e Negócios.

E o terceiro é o Caderno 2, de arte e cultura. Sabático, C2+Música e Estadinho também serão incorporados por outros cadernos.

Vinte e cinco jornalistas estão sendo demitidos, mas o número total deverá ultrapassar 50 nos próximos dias.