Fecha-se o cerco à Assembleia. Imprensa, redes sociais, MP e sociedade exigem: #abraacaixapretaAlego

Quanto mais a Assembleia resiste em manter sob sete chaves os segredos de suas contas e administração, mais cresce a pressão para que o presidente Helder Valin abra a caixa-preta em que se transformou o parlamento goiano.

O movimento ganha força nas redes sociais, tem a adesão da maioria dos deputados estaduais, da sociedade e já virou motivo de apuração do Ministério Público.

No Twitter, cresce o movimento lançado pela jornalista investigativa Fabiana Pulcineli, sob a hashtag: #abraacaixapretaAlego.

Até quando a Assembleia vai nadar contra a maré dos novos tempos da transparência na administração pública?