Otoni avisa: nosso objetivo é eleger Dilma e o 1º governador petista em Goiás

O deputado federal Rubens Otoni não está para brincadeiras no projeto político do PT em Goiás. Na sexta-feira passada, ele reuniu seu grupo de colaboradores para avisar que a meta é reeleger a presidente Dilma Rousseff e promover em Goiás a eleição do primeiro governador petista.

Mais um sinal de que o PT goiano vai engrossar o caldo para não poiar um nome do PMDB na disputa da sucessão de Marconi Perillo.

Veja texto postado no site do deputado:

Plenária discute readequação de Plano Estratégico
Durante toda tarde da sexta-feira, 12, mais de 100 colaboradores do mandato do deputado federal Rubens Otoni, se reuniram no auditório Costa Lima da Assembleia Legislativa de Goiás. O objetivo foi avaliar avanços e desafios atuais e a partir do diagnóstico fazer os ajustes do Plano Estratégico elaborado, também coletivamente para o quadriênio 2012/2014. Ao fazer a abertura do evento o parlamentar explicou que a readequação para o biênio 2013´2014 se fez necessária por que o PT vive um momento bastante positivo e que a meta é reeleger a presidenta Dilma Rousseff e promover em Goiás a eleição do primeiro governador petista.

Além disso, o deputado declarou que o encontro teve também como foco “pensar o mandato para o próximo período com vistas na continuidade da legislação participativa”. Ele recordou que ao assumir pela terceira vez a cadeira na Câmara, o PT estava no seu melhor momento com a eleição de Dilma Rousseff para a Presidência da República e que “a preocupação era exercer um mandato que atendesse as expectativas e com o desafio de fazer o governo Dilma dar certo e promover o crescimento do PT em Goiás nas eleições de 2012”.

“O plano deu certo, reelegemos o prefeito Paulo Garcia em Goiânia e Antônio Gomide em Anápolis. Fizemos um total de 17 prefeitos e dezenas de vereadores e vice-prefeitos”, comemorou Rubens. Ele informa que o PT goiano no ano passado foi o parido mais votado com mais de 600 mil votos, contra mais de 500 mil de seu principal aliado, o PMDB. Informou ainda que o PSDB, principal adversário da base petista, obteve pouco mais de 400 mil votos. Informou que seu nome havia sido apresentado pelo PT como aquele que poderia ser o candidato ao governo, mas que a reeleição de Paulo Garcia e Antônio Gomide, ampliou esse quadro. Quanto a Dilma Rousseff, ele lembrou que sua popularidade é maior do que a de Lula na época em que este foi presidente.

A reunião plenária teve como facilitadora a prof.ª Kátia Maria dos Santos. Dentre as autoridades presentes, estavam as prefeitas Inês Brito de Ceres e Lucimar Nascimento de Valparaíso. Também participaram do encontro três vice-prefeitos, 15 vereadores, lideranças de 26 municípios, setoriais do PT de Combate ao racismo, juventude, mulher e assessores do mandato. Foram formados seis grupos e cada um deles apresentou propostas e emendas para os seis temas que compõem o Plano Estratégico do deputado Federal Rubens Otoni.