Principal beneficiada com alteração no Plano Diretor, Hypermarcas doou R$ 1 milhão para Iris na campanha de 2010

As alterações no Plano Diretor da Capital beneficiam diretamente a grande obra da empresa Hypermarcas, à beira de um córrego na Região Norte da cidade.

O vereador Djalma Araújo (PT), que representa a região, é totalmente contra a obra e defende que o projeto de lei que altera o plano seja suspenso.

Surge agora um novo componente. A Hypermarcas doou R$ 1 milhão para a campanha de Iris Rezende ao governo do Estado em 2010.

Um dos principais defensores da obra, e que por isso entrou em conflito com Djalma, é o presidente da Câmara Municipal, vereador Clécio Alves. Ele é um dos afilhados políticos de Iris e ganhou a disputa da presidência da Câmara no começo deste ano com as bênção de Iris.

Para ver a doação da Hypermarcas a Iris, basta acessar o site do TSE que mostra os doares da campanha.

 

hyper iris 2
Imagem do site do TSE que mostra os dois depósitos de R$ 500 mil da Hypermarcas para Iris Rezende

 

 

 

 

 

hyper 3
Outra imagem que comprova os depósitos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

LEIA MAIS:

Plano Diretor: vereador do PT acusa Paulo Garcia de “assassinar” meio ambiente

Base aliada do prefeito boicota audiência pública que discutiu Plano Diretor

Djalma Araújo bombadeia projeto do prefeito e sugere plebiscito sobre Plano Diretor

Para justificar destruição do Meia Ponte, prefeito diz que região tem vocação econômica

Anote: Paulo Garcia vai destruir rio Meia Ponte com mudanças no Plano Diretor

Djalma denuncia: pressa em aprovar Plano Diretor é para beneficiar Hypermarcas