Quem é o jornalista que procurou Telho para denunciar o suposto esquema de grampos?

Ao Jornal Opção, o procurador Hélio Telho afirmou que foi procurado por um jornalista e o publicitário Gercyley Batista para denunciar o suposto esquema de arapongagem.

A divulgação do nome do jornalista pode esclarecer a verdade sobre a reportagem da CartaCapital, que começa a se configurar como uma grande armação para prejudicar o governador Marconi Perillo.

Gercyley é empregado da Kanal Vídeo, de propriedade de Jorcelino Braga, inimigo declarado do governador.

É também vice-presidente do PRP, partido comandado por Braga.

Qual o interesse de Gercyley em fazer a denúncia no dia em que a Carta Capital publicou a matéria?

O procurador deveria divulgar o nome do jornalista que acompanhou o empregado de Braga. O que ele está escondendo?

Está no ar o cheiro de armação.

 

Veja o trecho de matéria do Jornal Opção a respeito:

 

Telho contou que o caso chegou até ele por meio de um jornalista goiano que o procurou “há duas ou três semanas” para denunciar o esquema. O procurador, então, pediu que o jornalista levasse até o MPF-GO as provas para que ele pudesse analisar a abertura de uma investigação.

Os indícios chegaram às mãos de Telho nesta quinta-feira (25/4) – e não na sexta, conforme foi publicado na reportagem da CartaCapital -, quando o jornalista foi até ele junto ao publicitário Gercyley Batista, uma das supostas vítimas do esquema. O material, que inclui depoimento e um pen drive, foi enviado por meio de um ofício ao PGR para que seja analisada a abertura de um inquérito.