Geovani não dá sossego ao prefeito e agora quer informações do Plano Diretor

O vereador Geovani Antônio (PSDB), que já deu resposta atravessada ao prefeito Paulo Garcia (PT), está mesmo disposto a ficar no pé do petista. O tucano agora quer informações do Executivo referentes a ações ligadas ao Plano Diretor.

Geovani já apresentou requerimento à Câmara onde pede ao prefeito que informe ao Legislativo o número exato de Transferências do Direito de Construir (TDCs) concedidas pelo Poder Executivo desde o início da vigência do atual Plano Diretor de Goiânia, aprovado em 2007.

Leia reportagem abaixo do Jornal Opção Online:

Ketllyn Fernandes

Nesta terça-feira (26/2) o vereador Geovani Antonio (PSDB) apresentou requerimento à Câmara em que pede ao prefeito Paulo Garcia (PT) que informe ao Legislativo o número exato de Transferências do Direito de Construir (TDCs) concedidas pelo Poder Executivo desde o início da vigência do atual Plano Diretor de Goiânia, aprovado em 2007.

O tucano justifica a solicitação com base no dever do Legislativo em fiscalizar o Executivo, exigindo o devido cumprimento dos ditames legais, bem como a cobrança dos órgãos responsáveis por eventuais danos causados aos cidadãos por ação ou omissão na execução de obras.

Geovane também apresentou requerimento ao prefeito pedindo que o petista determine ao presidente do Instituto de Previdência dos Servidores Municipais de Goiânia (IPSM) e à presidente da Instituto de Assistência à Saúde dos servidores (Imas) que informem à Casa a regularidade da destinação das receitas provenientes das contribuições previdenciárias e de saúde debitas em folha de pagamento dos servidores municipais a partir de agosto de 2002.

Para o vereador Tayrone Di Martino (PT), as solicitações do tucano refletem seu direito, e também função, de solicitar e verificar as ações do Executivo. “Cabe agora à prefeitura verificar o que é possível fazer para apresentar as informações, saber o que há de dados já coletados neste sentido”.