Gama entra rasgando e mostra ampla documentação para provar armação da Carta Capital

O polêmico e ousado jornalista Luiz Gama entrou rasgando agora nesta noite de sexta-feira, no seu blog pessoal, para desmascarar a tramoia da revista Carta Capital com a pseudomatéria sobre os supostos grampos – que nunca existiram – em Goiás.

Sob o título “CALÚNIA DA CARTA CAPITAL: Luiz Gama mostra a sua cara e a verdade dos fatos”, assim mesmo, com um trecho em letras maiúsculas, Gama apresenta uma enxurrada de documentos e começa perguntando e respondendo: “O meu defeito? O meu erro? O meu crime? Muito simples! Na mente criminosa dessa gente eu tenho o grave defeito, o grave erro, e o grave crime de ter posicionamento”.

Gama mostra que a prática de dossiês contra ele é antiga e parte sempre de setores de oposição ao governador Marconi Perillo.

Ele mata a cobra a mostra o pau: “O editor de imagens, Luiz Claudio (@OPoltico), que trabalhou na Alego, me enviou uma série de e-mails que seriam DMs de um hacker falando comigo. Depois de ver o material fiquei pasmo. Fui ao oitavo distrito policial no dia 04 de abril e fiz um boletim de ocorrência denunciado este e outros fatos caluniosos contra mim”.

E uma mensagem: “Aos amigos e companheiros que aparecem na matéria da Carta Capital como sendo vítimas via ações e frases aludidas a mim, um recado: tenham 100% de certeza que nenhuma daquelas frases foram ditas por mim em qualquer tempo. Se alguém as disse, esse alguém não fui eu. Isso será provado! Não caiam nessa armadilha diabólica”.

Leia o material completo de Luiz Gama aqui.