Indireta do Fio Direto para Fabiana Pulcineli, O Popular e José Nelto: em Goiás é crime dar benefícios ao funcionalismo

Fio Direto, no Diário da Manhã, anota que em Goiás virou crime o governo conceder benefícios a funcionários públicos. “Bonito é o que está fazendo os Estados do Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Minas Gerais e Rio Grande do Sul”, ressalta.

A nota é um recado direto à jornalista Fabiana Pulcineli, que faz campanha aberta contra os servidores públicos, movendo uma perseguição ao estilo Iris Rezende, não por acaso um dos ídolos políticos dela, à categoria. Também tem o endereço do deputado José Nelto e jornal O Popular.

Recentemente, medidas favoráveis ao funcionalismo público estadual foram criticados severamente pelo trio.