Indignado, Frei Marcos condena omissão e descaso da Prefeitura com 450 famílias desabrigadas

Frei Marcos Sassatelli, professor de filosofia aposentado da UFG, escreve um belo artigo no Diário da Manhã desta quinta-feira lamentando a omissão e o descaso da Prefeitura de Goiânia em relação às 450 famílias que vivem no Acampamento Pedro Nascimento e Residencial JK I e II, na região noroeste de Goiânia.

O frade dominicado fez uma visita ao local e relata no artigo as agruras vividas pelas 450 famílias, parte ocupante de lotes vazios e parte tendo sido enganada na compra dos terrenos.

A situação encontrada pelo religioso no local foi classificada por ele como “subumana”. Dirigindo-se à Prefeitura de Goiânia, o frade diz que “nossos governantes deveriam se envergonha da calamidade ali instalada”.

A descripção que Frei Marcos Sassatelli faz do aglomerado é chocante.

Leia o artigo de Frei Marcos no link.