ICMS: Fórum Empresarial em peso delega a Marconi liderança na luta pelo Estado

Presente ao ato no Palácio Pedro Ludovico Teixeira destinado a discutir mudanças na lei federal que altera o recolhimento do ICMS e ameaça severamente os interesses de Goiás, o Fórum Empresarial do Estado delegou ao governador Marconi Perillo a missão de liderar a classe política e a iniciativa privada em um movimento unificado contra as alterações.

Marconi recebeu a incumbência em um evento que conta com mais de 180 prefeitos de todos os partidos, entre eles Maguito Vilela (PMDB) e Antônio Gomide (PT), além de deputados do PMDB (Leandro Vilela, Lívio Luciano e Pedro Chaves) e do DEM (Ronaldo Caiado).

O governador afirmou que a reforma tributária, no formato em que tramita no Congresso, vai beneficiar estados mais ricos e prejudicar os mais pobres e afastados dos portos e das estruturas de escoamento, como Goiás. No próximo dia 15, Marconi vai a Brasília para uma manifestação que visa sensibilizar o Superior Tribunal de Justiça a abraçar a causa de unidades da Federação como a nossa. A peregrinação vai incluir visitas ao Congresso Nacional, ao Palácio do Planalto e a entidades representativas de classe.