Depois de atacar Iris, Vanderlan nega ter saído do PMDB por causa dele. Ué…

É muito chato quando um político começa uma caminhada fantasiando a verdade.

Veja o caso de Vanderlan Cardoso. O empresário desfiliou-se do PMDB com ataques duros ao centralismo de Iris Rezende, a quem acusou de sufocar o partido e de impor suas vontades aos companheiros.

Meses depois, aquelas críticas foram todas sepultadas. Hoje, em entrevista à Rádio 730, ele disse que Iris não foi o principal motivo de sua saída do PMDB.

Disse apenas que a “concorrência” na legenda era grande demais para ele.

Desistiu de enfrentar o cacique, Vanderlan?