Lauro Jardim (Veja Online) afirma que debate de Caiado mostra o baixo parlamento

Leia o texto do jornalista e colunista da revista Veja:

 

Baixaria no plenário

Não é à toa que a Câmara dos deputados é conhecida como Câmara baixa. Anthony Garotinho e Ronaldo Caiado comprovaram, mais uma vez, que são seus fieis representantes.

Garotinho voltou a bater na tecla de que sobram interesses nada republicanos nas negociações da MP dos Portos e pediu aos colegas que procurassem Daniel Dantas para ter mais detalhes. Caiado respondeu, chamando o parlamentar de chefe de quadrilha.

O resumo: a baixaria promovida pela dupla recolocou a MP da corda bamba.

O grand finale do episódio, tão pitoresco quando lamentável, foi protagonizado pelo desconhecido Toninho Pinheiro, que subiu ao platô da Mesa Diretora com uma faixa criticando a falta de recursos para a saúde e saiu agarrado pelos seguranças.

Em meio à baixaria, um parlamentar da base aliada provocou, fazendo referência ao apoio de Ideli Salvatti a Garotinho (Leia mais em: Ideli e Garotinho).

– Será que também foi a Ideli que mandou Toninho bagunçar a sessão desse jeito?