Rincón para Friboi: “Bandido é quem usa dinheiro do BNDES para montar o cartel da carne”

O presidente da Agetop, Jayme Rincón, abriu fogo contra o empresário Júnior Friboi a quem acusa de montar cartel da carne com recursos do BNDES.

Rincón é duro com Friboi: “Bandido é quem usa os recursos do BNDES na montagem do maior cartel do País. Agora que mostrou a cara, Júnior pode se preparar para explicar muita coisa”.

Veja a nota principal do Giro, da edição desta quinta-feira em O Popular:
Governo acusa Friboi de montar cartel com recursos do BNDES

O governo acusa a multinacional JBS/Friboi de promover um cartel no País em reação às críticas do empresário José Batista Júnior (PMDB), que disse aqui ontem que “política não pode se misturar com bandidagem”. “Se existem bandidos nesta história, o povo goiano logo saberá quem são. Basta verificar como foi construído o patrimônio do senhor Júnior, erguido às custas de um cartel que massacra o produtor e assalta o consumidor”, afirma Jayme Rincón, presidente da Agetop. “Bandido é quem usa os recursos do BNDES na montagem do maior cartel do País. Agora que mostrou a cara, Júnior pode se preparar para explicar muita coisa”, diz Rincón, que diz ter entrado em contato ontem com Joesley Batista, presidente do Grupo JBS, para “alertá-lo das consequências” das declarações de seu irmão em Goiás.