Paulo Garcia tenta inviabilizar obras do Estado em Goiânia e cria caso com viadutos da Agetop

Como a prefeitura tem poucos problemas para resolver (como o caos na saúde e o plano diretor), o prefeito Paulo Garcia resolveu encrespar com as obras da Agetop nos viadutos das GOs 060 e 070.

Numa nota gigante, a prefeitura diz que projetos para alteração de trânsito na região não foram aprovados pela SMT e cria outros empecilhos para a realização das obras.

Veja a nota:

 

NOTA DA SMT

A Prefeitura de Goiânia informa que os desvios feitos pela Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop), em virtude das obras dos viadutos da GO-060 e GO-070, não seguiram o projeto avaliado e aprovado pelos técnicos da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMT).

 Após vistoria feita ao local pela secretária municipal de Trânsito, Patrícia Veras, e engenheiros do órgão foi constatado que houve modificação no projeto original (aprovado pela SMT) e as mesmas não foram enviadas para avaliação prévia da SMT.

 Também foi constatado que os desvios não foram devidamente sinalizados, assim como os fechamentos das ruas, os cruzamentos semaforizados não foram modificados e não houve ainda a instalação de novos semáforos para ordenar o trânsito.

 Devido à sinalização inadequada no local e a falta de segurança, que aumenta os riscos de acidentes, a Prefeitura de Goiânia exigiu e a Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop) se comprometeu que a Polícia Militar estará presente na região durante toda a noite desta quinta-feira, 16.

A Prefeitura de Goiânia não concorda com as modificações feitas pela Agetop no projeto de desvios do trânsito na região sem comunicado oficial ao município. Mas não se omite de firmar parceria emergencial com o órgão estadual para solucionar o problema criado para a população e o trânsito na região.

 Preocupada com a segurança da população, a Prefeitura de Goiânia alerta o condutor para redobrar o cuidado ao circular pela região durante a noite desta quinta-feira e na sexta-feira, 17, quando será realizada uma reunião extraordinária entre os técnicos da SMT e da Agetop para buscar soluções emergenciais e imediatas para minimizar os problemas do trânsito na região.