Ameaça de Jayme Rincón inibe Friboi, que muda o tom da prosa e para de atacar Marconi

No discurso de filiação ao PMDB, o empresário Júnior Friboi deu uma de estilingue e bateu pesado no governador Marconi Perillo.

Estava atendendo às pressões de d. Iris Araújo e ao texto escrito por assessores de Michel Temer.

A reação do governo veio no mesmo tom.

O presidente da Agetop, Jayme Rincón, acusou Friboi de ter usado dinheiro do BNDES para criar o cartel da carne e ameaçou revelar mais podres do grupo.

O governador Marconi também anunciou que vai interpelar o empresário para ele confirmar as declarações.

E não é que o magnata da carne amarelou.

No encontro do PMDB em Inhumas, no sábado passado, o homem fez um discurso para lá de manso, em comparação com suas declarações anteriores.

Quem fala muito dá bom dia a cavalo.