Tayrone fugiu do plenário para não votar Lei Moreirinha e depois diz que apoia projeto

Mas uma jogadinha do vereador Tayrone di Martino foi desmascarada na Câmara de Goiânia.

No momento de votação da polêmica Lei Moreirinha, o jornalista ausentou-se do plenário e não votou. Denunciada a manobra por Paulo Magalhães (PV), Tayrone tentou explicar, com uma desculpa esfarrapada de que teria atendido a uma ligação da ministra Marta Suplicy.

Mas bem na hora da votação, vereador?

Tenha dó, né?