Paulo Magalhães diz que Célia fez papel de X-9. Vereadora afirma que não agiu assim

A votação do projeto do vereador Geovani Antônio propondo a obrigatoriedade do estudo de impacto de vizinhança no Plano Diretor gerou confusão na Câmara de Goiânia e abriu uma crise que tem no vereador Paulo Magalhães o pivô central.

Paulo votou com a oposição e foi admoestado pelo prefeito Paulo Garcia em um encontro casual.

O vereador do PV não gostou e acusa a vereadora Célia Valadão, líder do prefeito na Câmara, de ter feito o papel de dedo-duro junto ao petista.

Célia reage: “Eu não me presto ao papel de leva e traz, de que quem votou ou quem deixou de votar, até porque o prefeito sabe quem votou e quem deixou de votar”.

A confusão não acabou.

Resta aguardar os próximos capítulos da novela.