Rei do holofote: deputado Salim pega carona em caso de comoção pública e propõe “lei Suzy Nogueira”

De neófito, o deputado estadual Cairo Salim (Pros) não tem nada – em que pese o fato de estar no exercício do seu primeiro mandato. Forjado com os piores vícios da velha política, o parlamentar virou uma espécie de especialista em surfar em casos de comoção pública para fazer proselitismo na Assembleia. Nesta quarta-feira, por exemplo, ele despejou sua verborragia de pastor evangélico para falar da morte de uma estudante de arquitetura em um hospital de Goiânia, após sofrer abuso sexual. Malandramente, Salim propôs a “lei Suzy Nogueira”, que segundo ele vai “aumentar a segurança nos hospitais do Estado.

Ver mais

Henrique Arantes desmente Caiado: “desculpa que não tem dinheiro é falsa”

Ao contra-atacar a secretária de Economia, Cristiane Schmidt, que o chamou de “mentiroso”, o deputado estadual governista Henrique Arantes (PTB) desmentiu nesta quinta-feira o governador Ronaldo Caiado (DEM), que usa o argumento da crise financeira para justificar a inação da administração: “A desculpa de que não tem dinheiro para pagar a folha de dezembro e o duodécimo da Assembleia é falsa. Os contribuintes continuam a pagar seus impostos regularmente e a indústria também. O recurso continua entrando no caixa’.

Ver mais

Assembleia x Schmidt: Cláudio Meirelles acusa secretária de afrontar Constituição

O deputado estadual Cláudio Meirelles (PTC), governista cada vez mais alinhado à oposição, usou a tribuna da Assembleia Legislativa nesta quinta para dar a sua contribuição na saraivada de ataques contra a secretária estadual de Economia, Cristiane Schmidt. Cláudio acusou a auxiliar de Caiado de “afrontar a Constituição” ao dar calote no duodécimo – nome dado ao repasse que o Estado tem de fazer para a Assembleia se sustentar.

Ver mais

Lissauer diz que secretária “que nem é de Goiás” desrespeita Assembleia. Refere-se a Schmidt

É tensa a relação entre a Assembleia Legislativa e o governo Caiado, por conta do atraso no repasse do duodécimo do Estado para Casa. Prova disso foi a manifestação dura do sempre ponderado Lissauer Vieira (PSB), presidente do poder Legislativo, nesta quinta-feira. Ao ser informado que a convocação foi convertida em convite porque o Palácio implorou por misericórdia, Lissauer afirmou: “Acho que ela deveria ser convocada. A Assembleia merece respeito de secretários que nem de Goiás são”. 

Ver mais

Assembleia dá chance para Schmidt ir por conta própria depor na terça. Se não for, será convocada

Ávida para cortar a cabeça da secretária estadual de Economia, Cristiane Schmidt, a Assembleia Legislativa decidiu dar uma chance para que ela apareça por conta própria no plenário da Casa para depor na próxima terça-feira, às 15h30. Se não comparecer, o governista Henrique Arantes (PTB) já avisou que ela será convocada. A ira contra Schmidt une deputados palacianos e de oposição. 

Ver mais

Audiência na Assembleia Legislativa vai debater o uso medicinal da cannabis

O uso da cannabis para fins medicinais será tema de uma audiência pública no dia 29 de maio de 2019, às 9h30, no auditório Solon Amaral da Assembleia Legislativa de Goiás. A mesma é de iniciativa do Deputado Diego Sorgatto juntamente com a Associação de Pais e Amigos dos Autistas de Goiás – AMA Goiás, Associação Goiana de Apoio e Pesquisa à Cannabis Medicinal – AGAPE e Associação Nacional dos Usuários de Canabidiol – ANUC.

Ver mais

Lêda encara secretário caiadista, critica governo e é aplaudida em audiência na Alego

Durante audiência pública sobre o Terceiro Setor realizada na tarde de quarta-feira (22), no auditório Costa Lima, na Assembleia Legislativa, a deputada estadual Lêda Borges (PSDB) defendeu maior facilidade no estabelecimento e manutenção de convênios com entidades filantrópicas.

Lêda foi muito aplaudida pelos presentes, mostrando prestígio e reconhecimento pelo trabalho executado na secretaria.

Ver mais

Humberto Aidar: “Se o Otavinho quiser dar pitaco na Assembleia, ele que se candidate e conquiste mandato de deputado. Aqui ele não manda”

Os integrantes da CPI dos Incentivos Fiscais reagiram aos ataques dos dirigentes da Adial. A resposta mais dura foi do relator da CPI, deputado Humberto Aidar (MDB), que disse estranhar o medo dos empresários da investigação da Assembleia Legislativa. “Nós só queremos saber se os contratos foram cumpridos, se houve a contrapartida das empresas e isso não pode ser motivo de pânico por parte dos empresários”, assinalou Aidar.

Ver mais

Líder da oposição, deputado Talles Barreto critica governo Caiado:”Governo ruim, não tem planejamento”

O deputado estadual Talles Barreto criticou a gestão Caiado. Para Talles, o executivo não tem planejamento ao elaborar matérias enviadas para a Casa. “Esse Governo é ruim, manda matéria para cá sem estudar, que não passa pela Casa Civil. Essa reforma (administrativa) que veio para a Casa está toda remendada, com dificuldade de ser aprovada”.

Ver mais

Piada pronta: Bruno Peixoto diz que teve aula com vereador condenado por peculato

Deputados da base do governo na Assembleia Legislativa contorceram-se para segurar o riso na sessão desta terça-feira, quando o líder da bancada palaciana na Casa, deputado Bruno Peixoto (MDB), disse que pegou aulas com um vereador de Crixás condenado por peculato, chamado William Xavier Machado (DEM).É que William foi indicado pelo governador Ronaldo Caiado (DEM) para uma vaga no Conselho Estadual de Educação e existe resistência do plenário a aprovar o seu nome para a função.

Ver mais

Talles alerta Caiado: “Quem precisa dos remédios de alto custo não tem dinheiro. São pessoas humildes”

O deputado Talles Barreto ocupou a tribuna da oposição para dar uma sacudida no governador e trazer Caiado de volta à realidade. O governo de Goiás não quer mais pagar remédios de alto custo que estão fora da lista do SUS. Acontece que essa lista é reduzida e desatualizada. Caiado já foi ao STF para garantir que o Estado não tenha mais essa responsabilidade. “Esse governo é muito ruim. Não tem planejamento. Quem precisa dos remédios de alto custo não tem dinheiro. São pessoas humildes”, disse Talles.

Ver mais