Deputado Caroço: “Caiado nomeia parentes e amigos de parlamentares que o defendem”

No momento em que estava quente o debate sobre o projeto do governador Ronaldo Caiado (DEM) que acaba com o Passe Livre Estudantil, na Assembleia Legislativa, o deputado Tião Caroço (PSDB) sugeriu aos estudantes que assistiam à sessão que investigassem quais deputados votarão a favor do corte e que divulguem os nomes nas redes sociais. Sobre estes parlamentares, Caroço disse mais: “Caiado está nomeando parentes e amigos de quem o defende aqui”.

Ver mais

Estudantes aplicam vaia histórica em deputados que apoiam Caiado na Assembleia

Estudantes da rede pública estadual lotam as galerias da Assembleia Legislativa neste momento e realizam um protesto ensurdecedor contra o governador Ronaldo Caiado (DEM), que enviou à casa projeto que acaba com o Passe Livre Estudantil. A plateia faz tanto barulho que impediu o governista empedernido Amauri Ribeiro (PRP) de falar. O líder do governo na Casa, Bruno Peixoto (MDB), também foi solenemente vaiado.

Ver mais

Estudantes vaiam e gritam “machistas não passarão” para deputado Amauri

Estudantes que lotaram as galerias da Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, para protestar contra o projeto do governador Caiado que acaba com o Passe Livre Estudantil, crivaram de vaias e críticas o deputado estadual Amauri Ribeiro (PRP), que empresta o seu mandato para a defesa incondicional do governo na Casa. Os manifestantes gritaram “machistas não passarão” ao parlamentar chapeludo, que ganhou as páginas da imprensa num passado não muito distante por ter confessado agressão à filha que trocou imagens íntimas com o namorado. Amauri descontrolou-se e gritou com os estudantes, que venceram a queda de braço e não o deixaram falar. 

Ver mais

Bruno Peixoto toma vaia ao dizer que Caiado recebeu Estado com dívidas

O líder do governo Caiado na Assembleia Legislativa, deputado Bruno Peixoto (MDB), acaba de receber uma sonora vaia na sessão desta quarta-feira ao dizer que o governador Ronaldo Caiado (DEM) recebeu o Estado com dívida de R$ 6 bilhões – argumento que tem sido usado para que se promova um verdadeiro desmonte da máquina pública. Bruno foi vaiado por estudantes que lotam as galerias para protestar contra a decisão de Caiado de acabar com o Passe Livre Estudantil. 

Ver mais

Presidente da Assembleia diz que Enel “presta desserviço e não merece estar em Goiás”

O presidente da Assembleia Legislativa, Lissauer Vieira (PSB), acaba de usar a tribuna da Casa para despejar críticas sobre a empresa italiana Enel, que em 2016 adquiriu a Celg. Lissauer afirmou que a Celg “presta desserviço ao Estado e não merece estar em Goiás”. Lissauer denunciou a empresa por ameaçar produtores rurais de perder a tarifa verde em função de atraso na renovação da outorga, em que pese a maioria já tê-la requisitado à Enel. “Querem penalizar o produtor pela falta de funcionários para analisar processos”, afirmou.

Ver mais

Briga de deputados vira caso de polícia: Amauri nega ter agredido Meirelles, que registrou ocorrência

A treta entre os deputados estaduais Amauri Ribeiro, o do chapéu, e Cláudio Meirelles virou caso de polícia. Meirelles registrou um boletim de ocorrência em que acusa Amauri de agressão. A confusão entre os dois ocorreu na sala da presidência da Alego. Em entrevista ao Jornal Opção, Amauri nega que tenha agredido Meirelles e disse que vai abrir um B.O contra o colega de plenário.

Ver mais

Deputado caiadista ameaça convocar auditora que interditou Materno para constrangê-la

O governador Ronaldo Caiado (DEM) e sua tropa brancaleônica estão dispostos a se vingar da auditora Jaqueline Carrijo, que no dia 30 de abril decretou a interdição do Hospital Materno Infantil. O deputado estadual Paulo Cézar Martins (MDB) anunciou que pedirá a convocação de Jaqueline com o claro propósito de constrangê-la em uma sabatina que certamente seria duríssima.

Ver mais

Deputados da base de Caiado se unem para culpar Marconi por interdição do Materno

Deputados estaduais da base do governador Ronaldo Caiado (DEM) uniram-se em coro da Assembleia para jogar em Marconi Perillo (PSDB) – que deixou o poder há um ano – a culpa pela interdição do hospital Materno Infantil. A contra-ofensiva foi liderada pelos deputados Chico KGL (DEM) e Amauri Ribeiro (PRP). A dupla afirma que Caiado não teve condições de fazer os investimentos necessários na unidade de saúde, que nunca foi fechada na época de Marconi, porque o governo anterior quebrou o Estado. 

Ver mais

Gomide diz que Caiado gostou do fechamento do Materno: “um gasto a menos”

O deputado estadual Antônio Gomide (PT) afirmou nesta quinta-feira, na Assembleia Legislativa, que a trágica interdição do Hospital Materno Infantil foi recebida com alegria pelo governador Ronaldo Caiado (DEM), em sua intimidade. “Caiado gostou do fechamento do Materno. É um gasto a menos. A Secretaria de Saúde só se manifestou contra a interdição depois da péssima repercussão do fato”.

Ver mais

Gomide: “Quero saber até quando Caiado vai reclamar do governo passado”

Até quando o governador Ronaldo Caiado (DEM) vai reclamar do governo passado? Esta pergunta que não quer calar foi feita há pouco pelo deputado estadual Antonio Gomide (PT) na tribuna da Assembleia Legislativa. “Ganhar eleição, não é um fim, é um meio. Caiado foi eleito para administrar e nós queremos saber quando é que ele vai assumir a gestão, porque até hoje ele não assumiu. Queremos saber quando é que ele vai parar de reclamar”.

Ver mais

Materno interditado: adivinhe, leitor, em quem o deputado Amauri pôs a culpa

A interdição do Hospital Materno-Infantil, ocorrida no dia 30 de abril, é um dos assuntos mais discutidos na sessão desta quinta-feira da Assembleia Legislativa. O deputado estadual Amauri Ribeiro (PRP), cabo de chicote do governador Caiado, subiu com o seu chapéu à tribuna para devanear sobre o episódio e adivinhe, leitor, em quem ele colocou a culpa pelo fechamento do Materno: ganhou um doce quem disse Marconi Perillo (PSDB).

Ver mais

DIFAL: imposto prejudica comércio, mas favorece indústria goiana. Assembleia se divide

Um dos projetos mais importantes discutidos pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa nesta quinta-feira é o Decreto Legislativo proposto pelo deputado Thiago Albernaz (Solidariedade) que acaba com o Difal. A proposta de Thiago susta o pagamento do ICMS relativo à diferença entre alíquota interna e a interestadual pelo contribuinte optante pelo Simples Nacional, nas aquisições de mercadorias destinadas à comercialização ou produção rural.

Ver mais

Talles Barreto critica Caiado e alerta sobre risco de falta d’água em Goiânia

Ao discursar no Pequeno Expediente da sessão ordinária desta terça-feira, 30, o deputado Talles Barreto (PSDB) dirigiu sua fala ao deputado Paulo Trabalho (PSL), que discursou momentos antes. “Deputado, o avião que você mencionou foi adquirido na gestão passada, este avião não foi adquirido pela atual. O atual governo trabalhou e pensou para ganhar a eleição, mas para governar não”, afirmou.

Ver mais

Agora: Caiado compra briga com professores e manobra rejeição de Bia de Lima, do Sintego, para o Conselho Estadual de Educação

O governo Caiado comprou briga com o Sintego e a categoria dos professores de Goiás ao manobrar por debaixo do pano a rejeição do nome da professora e educadora Bia de Lima, presidente do Sintego, para o Conselho Estadual de Educação. Bia havia sido indicado para o conselho como representante das entidades sindicais de educação, mas enfrentou forte oposição da bancada evangélica, majoritariamente caiadista.

Ver mais

Filho do enroladíssimo ex-vereador Amarildo Pereira, o deputado Humberto Teófilo (PSL) porta-se de vestal de moralidade na tribuna da Assembleia

O deputado Humberto Teófilo (PSL) subiu à tribuna da Assembleia Legislativa nesta terça-feira (30) para atacar os governos anteriores e se declarar vestal da moralidade em Goiás. O pai do parlamentar, Amarildo Pereira,  ex-vereador em Goiânia, teve o mandato cassado e acabou condenado condenado pela Justiça Federal por praticar corrupção com dinheiro da previdência da Câmara Municipal da capital.

Ver mais