Romário Policarpo recebe de Iris proposta de data-base dos servidores do Executivo

O presidente da Câmara de Goiânia, vereador Romário Policarpo (PROS), recebeu do prefeito Iris Rezende (MDB) o projeto de revisão das remunerações dos servidores municipais do Poder Executivo – a data-base 2019. A proposta, que estabelece reajuste de 4,67% nas remunerações dos funcionários da Prefeitura, será submetida à apreciação do plenário do Poder Legislativo.

Ver mais

Câmara de Goiânia aprova projeto de Romário Policarpo que proíbe canudos de plástico no comércio

A Câmara de Goiânia acaba de aprovar por unanimidade o projeto de lei de autoria do vereador Romário Policarpo (PROS) que proíbe o uso de canudos de plástico nos estabelecimentos comerciais da Capital. A proposta, que determina a troca dos canudos de plástico por recicláveis, biodegradáveis ou comestíveis, foi aprovada por unanimidade pelos 34 vereadores presentes em plenário.

Ver mais

Agora ex-líder, Tiãozinho reclama por ter sido “demitido” por Iris no seu aniversário

O agora ex-líder da bancada governista na Câmara Municipal de Goiânia, vereador Tiãozinho Porto (Pros), usou a tribuna para comentar a sua “demissão” por parte do prefeito Iris Rezende (MDB), oficializada nesta terça-feira. Tiãozinho fez um pronunciamento conformado, mas deixou transparecer sua irritação por ter sido sacado no dia do seu aniversário. “Não sei se hoje foi a melhor data para isso, mas tudo bem”, reclamou.

Ver mais

Iris escolhe vereador favorável à censura de professores para liderar bancada na Câmara

O prefeito Iris Rezende (MDB) escolheu o vereador ultra-direitista Oséias Varão (PSB) para a função de líder da bancada aliada ao Paço Municipal depois de perder a paciência com o líder anterior, Tiãozinho Porto (Pros). Vereador medíocre, Oséias não apresentou um projeto sequer que seja digno de nota nestes três anos de mandato. Sua única atuação foi em favor do ‘“escola sem partido”, que visa a constranger e censurar professores da rede pública.

Ver mais

Clécio leva problemas pessoais à Câmara e reclama de buraco na porta de casa

Aconteceu de novo: em vez de discutir problemas que dizem respeito à cidade toda, o vereador Clécio Alves (MDB) usou o poder inerente ao seu cargo para levar à Câmara Municipal um problema estritamente pessoal. Clécio reclamou – pasmem – de um buraco na porta da sua casa e, em função deste buraco, criticou o secretário de Obras, Dolzonan Mattos. 

Ver mais

Presidente da Câmara acusa Iris de transformar Goiânia em “pista de rally”

Em contraponto aos elogios que o vereador Tiãozinho Porto (Pros) fez ao prefeito Iris Rezende (MDB) na sessão desta quarta-feira na Câmara Municipal de Goiânia, o presidente da Casa, Romário Policarpo (Pros), afirmou que Iris não é merecedor das loas tecidas a dele e o acusou de transformar Goiânia na “próxima pista do rally Paris-Dakar”, dada a quantidade escandalosa de buracos. 

Ver mais

Vereadores derrubam veto a projeto que cria Gabinete Militar, com 9 policiais, na Câmara

Por 25 votos a 4, a Câmara Municipal de Goiânia derrubou veto do prefeito Iris Rezende (MDB) a projeto de lei que cria o Gabinete Militar da Casa, composto por nove policiais militares. O projeto foi criticado por Andrey Azeredo (MDB), Clécio Alves (MDB) e Oseias Varão (PSB), que argumentaram que o PMs são mais úteis nas ruas do que na Câmara.

Ver mais

Vereadores discutem se precisam de policiais militares na Câmara ou não. Qual sua opinião?

A Câmara Municipal de Goiânia discute, neste momento, se mantém ou rejeita o veto do prefeito Iris Rezende (MDB) ao projeto que institui o Gabinete Militar na Casa. A celeuma acontece porque uns defendem a importância de se regulamentar a segurança da Câmara (botando em lei o pagamento já feito a nove militares em exercício no local), e outros dizem que é inviável manter policiais militares na sede do Legislativo num momento em que a população precisa de PMs na rua. Qual sua opinião, leitor?

Ver mais

Presidente da Câmara cancela sessão para que vereadores pressionem CDTC contra aumento da passagem de ônibus

O presidente da Câmara Municipal de Goiânia, Romário Policarpo (Pros), cancelou a sessão plenária desta quarta-feira para que os vereadores assistam em peso à reunião da Câmara Deliberativa do Transporte Coletivo (CDTC) que provavelmente reajustará o preço da passagem de ônibus na região metropolitana para R$ 4,30. “Os vereadores serão mais importantes fazendo este cordão em defesa da população do que aqui, votando projetos”.

Ver mais

Pachequismo sem fim: esposa de Tejotinha também chama Mabel de “padrinho”

Este blog já perdeu a conta de quantos vereadores chamaram o presidente da Federação das Indústrias de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, de “padrinho” na sessão desta terça-feira da Câmara Municipal de Goiânia. “Pelo visto, todo mundo aqui está disputando para ter o senhor como padrinho. Mas eu cheguei primeiro”, reivindicou a vereadora Priscilla Tejota (PSD), esposa do vice-governador Tejotinha. 

Ver mais

Na Câmara, Mabel se acovarda diante de corte de incentivos do governo Caiado

O presidente da Federação das Indústrias de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, acovardou-se diante do corte nos incentivos fiscais promovido pelo governo Caiado, que penaliza duramente a categoria que ele representa. Mabel foi à Câmara de Vereadores de Goiânia e, em vez de aproveitar os holofotes para denunciar a perseguição do Estado, deu uma aulinha sem sal sobre sistema S.

Ver mais

Vereador Andrey rasteja para Mabel na Câmara e chama-o de “padrinho”

Em vez de questionar o presidente da Federação das Indústrias de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, e fazer apontamentos que fossem realmente úteis para população, o vereador Andrey Azeredo (MDB) aproveitou a visita do representante dos empresários à Câmara Municipal de Goiânia para puxar saco. Andrey chegou ao ponto de chamar Mabel de “padrinho” – forma de tratamento que não condiz com a ocasião.

Ver mais

Mabel e vereadores puxam saco uns dos outros em sessão inútil da Câmara Municipal

O presidente da Federação das Indústrias de Goiás (Fieg), Sandro Mabel, e vereadores da Câmara Municipal de Goiânia passaram a manhã desta terça-feira puxando saco uns dos outros numa sessão que poderia ter sido mais proveitosa. Mabel perdeu a oportunidade de falar sobre assuntos realmente importantes, como o corte de incentivos fiscais e o fechamento de vagas de emprego no Estado desde a chegada de Caiado ao poder. Dinheiro público jogado fora. 

Ver mais

Crianças vão à Câmara Municipal de Goiânia e aprendem como agentes públicos NÃO devem agir

Alunos do segundo ano do colégio Delta visitaram o plenário da Câmara Municipal de Goiânia na manhã desta quinta-feira. No momento da visita já não havia mais quórum para votar matérias importantes, pra variar. A Casa, então, voltou a ter alguma utilidade – não de caráter legislativo ou republicano, mas sim educativo e lúdico. As crianças saíram de lá depois de aprender como NÃO se deve agir como representante do povo.

Ver mais

Crianças ocupam plenário da Câmara de Goiânia. Adolescentes que mandam no pedaço ficam de pé

Como já não havia mais quórum para votar matérias na Câmara Municipal de Goiânia nesta quinta-feira (em que pesem serem ainda 10h35), vereadores abriram o plenário para entrada de alunos no segundo ano do colégio Delta, que tomaram o assento dos adolescentes (alguns inconsequentes) que mandam no pedaço. A Casa finalmente adquiriu o respeito que merece.

Ver mais

Vereador-pastelão: Carlin Café disserta sobre cortes de cabelo durante sessão na Câmara

Foi um pastelão: o vereador Carlin Café (PPS) tomou o microfone na sessão plenária desta quarta-feira para dissertar sobre o corte de cabelo do deputado estadual Vinícius Cirqueira (Pros), que foi vereador na Casa até dezembro passado. Por fim, em um esforço para parecer engraçado, Carlin pediu o telefone do cabeleireiro do deputado para passá-lo ao presidente da Câmara, Romário Policarpo, que segundo ele precisa mudar o corte. Ninguém achou graça.

Ver mais