Se for esperto, Iris aproveitará turbulência no Pros para tirar Tiãozinho da liderança

Apesar de o atual mandato estar abaixo da crítica, o prefeito Iris Rezende (MDB) continua a ser reconhecido como um político de visão e que usa bem as oportunidades. Se fizer jus às virtudes que engrandecem sua biografia, Iris vai aproveitar a turbulência no Pros para corrigir um dos piores erros que cometeu nos últimos dois anos: a escolha de Tiãozinho Porto (Pros) para função de líder da sua bancada na Câmara de Vereadores.

Porta-voz de más notícias, Andrey Azeredo diz que servidores da Capital não terão data-base

O presidente da Câmara de Vereadores de Goiânia, Andrey Azeredo (MDB), tomou para si neste sábado o papel de porta-voz das más notícias do prefeito Iris Rezende (MDB). Andrey avisou aos servidores municipais que há chance zero de concessão de data-base nos próximos meses. Vale lembrar que os salários estão congelados desde 2016. 

Vereador Policarpo pede desculpas a Marconi por mentiras ditas em plenário

O vereador Romário Policarpo (PTC) apresentou nesta quarta-feira, no plenário da Câmara Municipal de Goiânia, pedido público de desculpas ao ex-governador Marconi Perillo (PSDB) por tê-lo responsabilizado pela morte de uma criança que estava sendo tratada na rede pública. “Admito que errei porque o governo fez, sim, tudo que estava ao seu alcance para salvar o paciente. Peço desculpas a todos que acusei”.

Kajuru diz que tentam colocá-lo contra Caiado e Daniel nas redes sociais

Em pronunciamento nesta quarta-feira, o vereador Jorge Kajuru (PRP) afirmou que circulam vídeos nas redes sociais que tentam indispo-lo contra os pré-candidatos a governador Ronaldo Caiado (DEM), com quem ele diz ter 35 anos de amizade, e contra o deputado federal Daniel Vilela (MDB), que ele chamou de “menino bom”, apesar de reconhecer que não gosta do ex-governador Maguito Vilela (MDB).

É oficial: Silvio Fernandes desiste de vaga na Câmara com medo de Kajuru e Elias

Agora é oficial: o suplente de vereador e presidente do Instituto de Previdência dos Servidores Municipais (IPSM) de Goiânia, Silvio Fernandes (DEM), desistiu de assumir a vaga a que tem direito na Câmara. Tudo indica que é por medo dos embates que fatalmente teria com vereadores de oposição como Elias Vaz (PSB), Dra. Cristina (PSDB) e Jorge Kajuru (PRP).

#xatiado: Iris exclui Clécio de reunião com vereadores

Irritadíssimo com a intensa repercussão negativa provocada pela CEI da Saúde, o prefeito Iris Rezende (MDB) decidiu romper relações com o presidente da Comissão de Inquérito, Clécio Alves (MDB). O agora ex-aliado não foi convidado para reunião entre vereadores e prefeito na última segunda-feira. 

Com medo de Kajuru e Elias, Silvio Fernandes desiste de vaga na Câmara

Aguardado com ansiedade pela oposição depois de dizer que a Câmara Municipal agiu por “interesses escusos” ao arquivar o pacote de maldades que ele mandou para alterar a previdência dos servidores da prefeitura, o presidente do Instituto de Previdência do Município (IPSM) e primeiro suplente de vereador da “Coligação da Confiança, Silvio Fernandes (DEM), desistiu de assumir o assento que ficou vago com o pedido de licença do vereador Cabo Senna (PRP). 

Wellington Peixoto: base de Iris está enfraquecida e perderá aliados

Segundo Peixoto, os vereadores da base estão insatisfeitos porque não estão tendo suas demandas atendidas pelo Executivo. “Os vereadores que são declarados de oposição estão sendo atendidos da mesma forma que os vereadores da base. Isso tem gerado uma insatisfação muito grande.”

Onipresente: Mrué recebeu de 3 empregos em 2017, denuncia vereador

A secretária municipal de Saúde, Fátima Mrué, é a responsável pelo surgimento de mais um foco de desgaste para administração do prefeito Iris Rezende (MDB). Dados apresentados nesta quarta-feira pelo vereador Elias Vaz (PSB) comprovam que ela recebeu salário de três fontes diferentes no poder público, apesar de trabalhar apenas como secretária.

Silvio Fernandes adia posse na Câmara com medo de enfrentar Kajuru e Elias Vaz

Quem tem medo dos vereadores Jorge Kajuru (PRP) e Elias Vaz (PSB)? O presidente do Instituto de Previdência dos Servidores Municipais (IPSM), Silvio Fernandes, tem. Na condição de suplente de vereador, Silvio foi convocado a assumir mandato na Câmara com o pedido de licença de Cabo Senna (PRP). Mas Silvio sequer respondeu se vai ocupar o assento, porque não sabe se tem preparo intelectual para missão. 

Convocado para assumir mandato de vereador, presidente do IPSM está com medo da Câmara

O presidente do Instituto de Previdência dos Servidores Municipais (IPSM) e suplente de vereador Silvio Fernandes (DEM) foi convocado para assumir assento na Câmara Municipal em função do pedido de licença do vereador Cabo Senna (PRP), por motivos de saúde. No entanto, Silvio ainda não decidiu se tomará posse. Está com medo de enfrentar Jorge Kajuru (PRP), Elias Vaz (PSB) e outras carnes-de-pescoço da oposição.

Vereador aliado de Caiado ataca Villa Mix em Goiânia: “é a desgraça das famílias”

O vereador Paulo Magalhães (PSD) pediu que registrassem em ata, na Câmara Municipal de Goiânia, que é contra a realização do festival Villa Mix na Capital. “É a desgraça das nossas famílias, com drogas e bebidas”. Paulo é um dos principais apoiadores de Ronaldo Caiado (DEM) na eleição para governador. 

Pesadelo continua: Mrué é mais uma vez convocada a depor na Câmara

Em que pese o encerramento da Comissão Especial de Inquérito (CEI) que investigou suspeitas de irregularidade na Saúde pública de Goiânia, o relacionamento entre a secretária municipal de Saúde, Fátima Mrué, e a Câmara de Vereadores continua turbulento. Mrué foi mais uma vez convocada a depor. Desta vez, pela CEI das Obras Inacabadas.

Base esfacelada: quatro vereadores deixam base de Iris na Câmara

Os vereadores Anselmo Pereira (PSDB), Romário Policarpo (PTC), Vinícius Cirqueira (Pros) e Zander Fábio (Patriota) anunciaram nesta terça-feira, em nota publicada na coluna Giro, do jornal O Popular, que estão fora da base do prefeito Iris Rezende (MDB). O motivo é insatisfação com o tratamento dispensado pela prefeitura. 

Novo pedido de impeachment contra Iris: Kajuru diz ter apoio de 10 vereadores

No dia 30 de maio, o vereador Jorge Kajuru (PRP) apresentou pedido de impeachment contra o prefeito Iris Rezende (MDB). O presidente da Câmara, Andrey Azeredo, claro, arquivou o documento. Só que a história não terminou! O 24Horas tem novidades. Kajuru disse ao blog que conseguiu apoio de 10 vereadores e, assim, vai apresentar um novo pedido de afastamento do prefeito de Goiânia.