Presidente do Paraguai visitará Marconi para tratar de acordos comerciais, anuncia embaixador

O embaixador do Paraguai no Brasil, Manuel Cáceres, avisou ao governador Marconi Perillo (PSDB) nesta quinta-feira, em almoço no Palácio das Esmeraldas, que o presidente paraguaio, Horácio Cartes, visitará Goiânia em breve para estreitar laços comerciais com o Estado. Será também uma forma de retribuir a visita recente de Marconi ao País. 

Coveiro dos direitos trabalhistas, Daniel Vilela posta foto fechada e sem plateia para dizer que está trabalhando em viagem a Lisboa paga pela Câmara (ou por nós, pobres contribuintes)

Enquanto você, caro leitor, ainda pena com o calor e a falta de chuvas em Goiás, o deputado Daniel Vilela está em Lisboa, neste momento, em viagem paga pela Câmara dos Deputados, ou melhor, por nós pobres pagadores de impostos.

Na Argentina, onde se discute ampliação do comércio com Goiás, Marconi recebe título de Cidadão de Buenos Aires

Marconi recebeu, na Argentina, o título de “Hóspede de Honra” da cidade de Buenos Aires. A distinção, mesma honraria concedida ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso em 2012, foi oferecida pela Sra. Carmen Polledo, vice-presidente primeira da Legislatura da cidade Autônoma de Buenos Aires.

Em Buenos Aires, Marconi será homenageado com título de honra que Fernando Henrique Cardoso já recebeu

O governador Marconi Perillo já está em Buenos Aires, na Argentina, para a segunda parte da missão comercial ao Cone Sul. Nesta segunda-feira, Marconi será outorgado com o título de Hóspede de Honra da Cidade de Buenos Aires. Em 2012, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) foi homenageado com esse mesmo título.

Na Tribuna do Planalto, presidente da Fieg aprova missões que mostram potencial de Goiás no exterior

Pedro Alves, que comanda a Federação das Indústrias do Estado de Goiás, afirma que missões mostram as potencialidades do Estado a investidores e empresários e resultam em acordos e negócios que vão fortalecer a economia. Na mais recente missão ao Oriente Médio, o presidente da Fieg acompanhou o governador Marconi Perillo e a delegação goiana.

Presente na missão oficial, José Vitti afirma que “Goiás pode ser a bola da vez no mundo árabe”

Presidente da Assembleia diz que que o trabalho da missão na Arábia amplia de forma substancial as perspectivas de novas relações comerciais e investimentos. O deputado estadual afirmou que os dados econômicos de Goiás surpreenderam as autoridades sauditas, tanto que o Estado deve receber em breve a visita de uma missão comercial da Arábia Saudita.

Vanderlan deixa a política de lado e se esbalda na Califórnia chefiando passeio milionário na Disney. É a doce vida do seleto grupo dos ricaços goianos

Enquanto você, leitor, está aqui em Goiânia sofrendo com a inação do prefeito Iris Rezende, com o trânsito tumultuado, a coleta de lixo embananada e os semáforos sem sincronização, o empresário Vanderlan Cardoso – que perdeu a eleição para Iris – decolou mais uma vez para os Estados Unidos e foi se divertir na Disneylândia da Califórnia. Confira.

Presidente da Assembleia, José Vitti diz que missão nos Emirados vai aumentar pauta de exportações de Goiás

Acompanhando o governador Marconi Perillo na viagem aos Emirados Árabes e à Arábia Saudita, o presidente da Assembleia Legislativa, José Vitti, classificou como “extremamente positiva” a agenda deste domingo em Abu Dhabi, onde é dia útil. Uma das principais reuniões do dia aconteceu na Câmara de Comércio de Abu Dhabi e o tema foi agronegócio.

Missão Emirados Árabes: em Abu Dhabi, Marconi apresenta força do agronegócio goiano e prospecta investimentos e parcerias para Goiás

A missão oficial do Governo de Goiás começou nos Emirados Árabes começou neste domingo pela manhã. O governador Marconi Perillo liderou a comitiva goiana em importante reunião na Câmara Internacional de Comércio de Abu Dhabi. A pauta principal do encontro foi o estreitamento das relações comerciais entre Goiás e Abu Dhabi, com prioridade para os investimentos no agronegócio.

Assassino sanguinário: Fidel comandou regime que executou 17 mil cubanos e prendeu 100 mil. No Brasil, a ditadura militar matou 424 pessoas

Fidel Castro morreu com as mãos sujas do sangue de 17 mil cubanos que foram executados pelo seu regime. Quantos morreram nas suas masmorras, ninguém sabe. Só para comparar: no Brasil, a ditadura militar matou 424 pessoas. Esse é o ícone da esquerda latinoamericana.

Esta vai para Paulo Garcia: a história não o absolverá, como ele espera, assim como não vai absolver Fidel porque os seus crimes vão falar mais alto

Fidel Castro, como esperava, não será absolvido pela História e ficará como um tirano sanguinário que sacrificou Cuba por um regime político sem liberdades e, pior, assassino. Paulo Garcia, prefeito de Goiânia, também não será inocentado pelo futuro e se eternizará como exemplo de administrador mal sucedido. Leiam, amigos do Goiás 24 Horas.

Últimos dias de mandato: casal Maguito-Flávia viaja pela Europa e posta foto no Instagram visitando pontos turísticos do Vaticano

O prefeito de Aparecida, Maguito Vilela, juntamente com a primeira dama Flávia Teles, aparecem em foto postada no Instagram visitando pontos turísticos no Vaticano. Maguito esteve em Barcelona, supostamente como representante da Frente Nacional de Prefeitos em um evento internacional e ainda não esclareceu por conta de quem corre a viagem.

Protagonista do maior fiasco da eleição em Goiânia, Adriana Accorsi também manifestou apoio a Hillary Clinton, outra que tomou uma sova nas urnas

A deputada estadual Adriana Accorsi (PT) parece disposta a brigar com o deputado federal Daniel Vilela (PMDB) e com o senador Ronaldo Caiado (DEM) pelo título de maior pé-frio da política goiana. A Mick Jagger de saias, além de protagonizar o maior fiasco eleitoral do ano em Goiânia, também manifestou apoio a Hillary Clinton nas redes sociais dias antes das eleições presidenciais norte-americanas.