Clécio, que foi petista e braço direito de Paulo Garcia, diz que “comunismo é a desgraça do mundo”

O vereador Clécio Alves (MDB) subiu à tribuna da Câmara Municipal nesta terça-feira para defender o seu projeto que concede título de cidadão goianiense ao ministro da Justiça, Sérgio Moro. Ao elogiar Moro por prender o ex-presidente Lula, Clécio – que já foi filiado ao PT e braço direito do ex-prefeito de Goiânia Paulo Garcia – disse que “comunismo é a desgraça do mundo”.

Conveniências, amigo leitor do blog.