Cláudio Meirelles esculhamba Bruno Peixoto: “corrupto é seu irmão, que está sendo preso” 

Momento de tensão na Assembleia Legislativa. Nesta quarta houve mais um episódio da briga entre Cláudio Meirelles – que ontem anulou a tramitação da PEC da Educação ao descobrir um erro no projeto – e o líder do governo Caiado na Assembleia, Bruno Peixoto. Cláudio fazia críticas ao governo na tribuna quando foi chamado de corrupto por Bruno. Em resposta, Cláudio gritou: “corrupto é seu irmão, que está sendo preso”. Referia-se ao vereador Wellington Peixoto (MDB), conduzido coercitivamente em operação policial que investiga concessão de alvarás da prefeitura.