Deputado sugere Célia Valadão para acalmar ânimos na Assembleia, mas Aidar dispensa: “temos músicas melhores”

O deputado estadual Humberto Aidar (MDB) deu uma sutil cutucada na ex-vereadora Célia Valadão (MDB), que disputa com ele o apoio dos fiéis da igreja católica de Goiânia. Na sessão da CCJ desta quinta-feira, Aidar, que preside a Comissão, tocou um canto gregoriano para acalmar os ânimos dos colegas que ontem protagonizaram uma série de arranca-rabos na Casa. Charles Bento (PRTB) sugeriu que se convidasse Célia para cantar, porque quando ela era vereadora cantava para tranquilizar o plenário. Aidar rejeitou a proposta: “com todo respeito, mas é melhor ela ficar lá. Aqui nós estamos falando de Simon e Garfunkel, coisas do tipo”.