Otavinho e empresários querem que CPI e governo Caiado funcionem como filiais da Adial e atendam apenas os interesses deles

A julgar pelas declarações de Otavinho Lage e César Helou, hoje na Assembleia,  querem que CPI e governo Caiado funcionem como filiais da Adial e atendam apenas os interesses deles. Ou seja, façam tudo de acordo com as vontades da turma que se acostumou com  vida mansa das regalias das isenções de impostos.