Sandro Mabel consagra-se como o pior presidente da história da Fieg

A rejeição do requerimento do deputado Coronel Adailton pedindo a convocação de Sandro Mabel era o que faltava para a consagração do empresário como o pior presidente, disparado, da Fieg. Mabel não só faz uma gestão pífia, sem criatividade, inovação ou um programa interessante de atividades, como levou a entidade ao mais baixo nível de representatividade e prestígio na sociedade goiana e no setor produtivo, de modo específico. Deixou uma poderosa federação completamente desmoralizada e sem respeito da opinião pública.
Uma vergonha.