Procurador Hélio Telho diz que incentivo fiscal a grandes empresas ‘é transfusão de sangue de doente para sadio’

Procurador do MPF-GO, Helio Telho usou sua conta no Twitter para transcrever declaração  do relator da CPI dos Incentivos Fiscais, Humberto Aidar, e produzir uma verdadeira pérola em relação à farra dos benefícios usufruídos por grandes empresas em Goiás.

“É uma lei dura, mas não existe outro caminho, diz Humberto Aidar sobre acabar com o crédito-moeda (é a transfusão de sangue do doente para o sadio”, fulminou.