Caiado veta projeto de Lêda Borges que cria desembarque especial para mulheres

O governador Ronaldo Caiafo (DEM) vetou integralmente o projeto de lei de autoria da deputada Lêda Borges (PSDB­), que pretendia criar o desembarque especial para mulheres que usam os ônibus dos serviços metropolitanos de transporte coletivo regular, no horário das 21 até as 5 horas da manhã do dia seguinte.
De acordo com a proposta de Lêda, as mulheres poderiam optar pelo local mais seguro e acessível a seu desembarque em qualquer dia.

Caiado considerou o projeto inconstitucional, uma vez que haveria violação à autonomia dos municípios e a gestão compartilhada de serviços públicos de interesse comum na Região Metropolitana.

Lêda Borges contesta: ele , aponta insensibilidade soxial, perseguiçao política por arte do governador e afirma que o projeto é consitucional.