Militar baleado em bar é acusado de ter participado da morte de Valério Luiz

O sargento da Polícia Militar Ademar Figueiredo atingido por um disparo em um bar localizado no Jardim Bela Vista neste final de semana, em Goiânia, é acusado de participação no assassinato do radialista Valério Luiz.

Segundo informações preliminares, o autor de três disparos é o soldado da PM Paulo Juaio Lemes de Paulino, que teria se desentendido com uma terceira pessoa e iniciado o tiroteio. Durante a confusão, o sargento foi atingido por um tiro que estaria alojado próximo ao peito da vítima.

O homem que discutia com o soldado fugiu do local e o sargento baleado foi levado para o Hugo, onde passou por procedimento cirúrgico e não corre risco de morte.

Chamou a atenção durante a ocorrência, o fato de Ademar responder a acusação de assassinato do radialista Valério Luiz. Ele e outros acusados devem ir a júri em junho deste ano. Valério foi assassinado a tiros em maio de 2012.