Atentado contra jornalista mostra a face oculta da covardia, diz site Goiás365

O jornalista Cristiano Silva, editor do blog Goiás 24 Horas, foi violentamente espancado esta semana por policiais militares nas imediações do Palácio das Esmeraldas, no centro de Goiânia. Esses homens, informou o blog, trabalham no palácio e estão à serviço do governador Ronaldo Caiado (DEM), a quem o blog faz duras críticas diariamente.

 

Cristiano Silva ficou com escoriações no rosto e na boca

Os jornalistas, os veículos de comunicação, os segmentos organizados e toda a sociedade também foram vítimas da violência e truculência praticadas contra Cristiano porque o jornalista estava a serviço do povo na cobertura de um evento em que os manifestantes voltavam sua ira contra as atitudes do governador nesta guerra contra o coronavírus.

Aliás, policiais aqui em Goiás já mataram alguns jornalistas, o último, todos se lembram, foi Valério Luiz.

Não podemos esperar que isso o aconteça novamente e a agressão contra Cristiano Silva tem que ser denunciada amplamente e os responsáveis exemplarmente punidos pelo crime que cometeram.

Denúncia

“Se alguma coisa acontecer comigo ou à minha família daqui em diante, o culpado é o governador Caiado”

Este é o título de um post publicado neste domingo, dia 29, no blog Goiás 24, pelo jornalista Cristiano Silva, responsabilizando o governador Ronaldo Caiado pelo o que acontecer com ele e com sua família daqui para frente.

Veja o texto do Goiás 24 Horas:

– O editor do Goiás24Horas, jornalista Cristiano Silva, gravou vídeo para deixar registrado: que, se alguma coisa acontecer daqui em diante contra ele e sua família, a culpa será do governador Ronaldo Caiado. O jornalista foi agredido sexta-feira (27) por quatro seguranças de Caiado quando fazia cobertura de manifestação contra o governador na Praça Cívica, nas imediações do Palácio das Esmeraldas.

– Não é de hoje que Caiado persegue Cristiano Silva. O editor o Goiás 24Horas foi alvo de operação policial que tentou intimidar seu trabalho de jornalista investigativo.

Vídeo

Um vídeo publicado nas redes sociais e no Whatsapp mostra o momento da agressão contra o jornalista Cristino Silva. Seus algozes foram extremamente violentos e o agrediram repentinamente, numa verdadeira covardia.

Este vídeo é a prova de tudo e mostra a cara dos policiais. Dá para identificá-los com facilidade.

Só não serão punidos se o governo de Goiás não quiser e o Ministério Público e a Justiça forem omissos.

De qualquer forma, nós, jornalistas, não vamos nos calar nunca, enquanto a justiça não for feita.