Edir Macedo contraiu coronavírus em São Paulo, mas Igreja Universal e Record esconderam a notícia

O bispo Edir Macedo, 75 anos, contraiu a covid-19 e foi internado no hospital Moriah, em São Paulo, desde última segunda-feira (8).

Macedo fez tratamento com o medicamento hidroxicloroquina e estaria recuperado da doença. Ele recebeu alta médica nesta sexta-feira (12). “Tomei todos os medicamentos indicados pelos médicos, entre eles a hidroxicloroquina, e estou bem”, afirmou o fundador da Igreja Universal.

A informação foi inicialmente veiculada pelo jornalista Erlan Bastos, da Rede Meio Norte. Ele info que Macedo estaria internado no hospital Moriah, em São Paulo, utilizando o codinome de “Josué”. A Revista Fórum apurou junto a fontes da Record, emissora do bispo, que a informação já circulava entre jornalistas da casa, mas “instâncias superiores” da empresa negariam a informação.

A reportagem da Fórum entrou em contato com o hospital Moriah, que ficou de retornar via assessoria de imprensa. Já a Igreja Universal do Reino de Deus foi contatada por telefone e e-mail mas deu retorno. Apenas na manhã desta sexta-feira, a Record confirmou a notícia, com cópia no site da Igreja Universal do Reino de Deus.