Leonardo Rizzo perde queda de braços com Cristiano Cunha, será expulso do PV e não será candidato

Nos corredores do PV corre a anedota:”Rizzo não entendeu que aqui o partido é verde, não vermelho”.
Mas o fato é que Cristiano Cunha foi mais rápido e confirmou a sua permanência no comando do PV por mais 1 ano: “o empresário Leonardo Rizzo tentou tomar o comando do PV e acabou desrespeitando o estatuto e também os membros, ele queria atropelar todo mundo para se lançar candidato a prefeito de Goiânia, por isso estamos avaliando o pedido de expulsão dele do partido”, informou Cristiano.