Pesquisa CNN/Big Data: Maguito cresce, Vanderlan cai e os dois estão empatados

Nova rodada da pesquisa do instituto RealTime Big Data/CNN Brasil aponta que o candidato Vanderlan Cardoso (PSD) oscilou dois pontos para baixo e está empatado tecnicamente com Maguito Vilela (MDB), que cresceu seis pontos da última rodada para a atual. Maguito tem 23% e empata com Vanderlan (que tem 26% agora) na margem de erro, de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Na sequência estão a Delegada Adriana Accorsi (PT), com 13% (mesmo índice da rodada anterior); Alysson Lima (Solidariedade), com 4%; Elias Vaz (PSB) e Gustavo Gayer (DC), com 3% cada um e o Major Araújo (PSL), com 2%.

Sete candidatos aparecem com 1% cada um: Dra. Cristina (PL), Virmondes Cruvinel (Cidadania), Talles Barreto (PSDB), Vinícius Gomes (PCO), Professor Antônio Vieira Neto (PCB), Cristiano Cunha (PV) e Fábio Júnior (UP).

Os candidatos Manu Jacob (PSOL) e Samuel Almeida (PROS) não pontuaram. A pesquisa identificou ainda 9% de nulos e brancos e 10% que não souberam responder.

Registro
O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral com o número de identificação GO03697/2020. Foram entrevistadas 1.050 pessoas, por telefone, entre os dias 03 e 04 de novembro de 2020.

A margem de erro máxima é de três pontos (para mais ou para menos) e o nível de confiança é de 95%. Isso significa que se a mesma pesquisa fosse feita 100 vezes, o resultado seria o mesmo, dentro da margem de erro, em 95.

A pesquisa, amostral, é representativa da população do município com 16 anos ou mais. Ou seja: os entrevistados seguem um padrão semelhante ao da população total, respeitando-se a proporção por idade, região geográfica e sexo.

Esta é a segunda de uma série de rodadas de pesquisas divulgadas com exclusividade pela CNN em 11 capitais brasileiras (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, Salvador, Recife, Fortaleza, Curitiba, Belém, Palmas, Goiânia), além das cidades paulistas Campinas e Guarulhos. Juntas, essas cidades concentram 26,9 milhões de eleitores, que correspondem a 18,23% do eleitorado brasileiro.