Mal treinados, agentes da SMT de Goiânia multam motorista que utiliza prótese na perna por estacionar em vaga para deficientes no Flamboyant

Fotos publicadas no perfil de Elcirley no Facebook: abuso de poder e despreparo dos agentes da Secretaria de Trânsito da Capital

No último dia 23 de dezembro, o policial militar aposentado Elcirley Luz Silva foi vítima do despreparo dos agentes da Secretaria Municipal de Trânsito (SMT) da prefeitura de Goiânia.

Elcirley, que tem uma prótese na perna esquerda, parou para almoçar no shopping Flamboyant enquanto viajava de Barra do Garças, no Mato Grosso, para o Distrito Federal com a família. Estacionou o carro, que tem o adesivo de portador de necessidades especiais no vidro traseiro (veja na foto ao lado), em uma vaga para deficientes. Quando voltou, encontrou um aviso de multa chancelado pelos agentes da SMT no seu para-brisas. Um veículo bloqueava o dele até que o guincho chegasse.

Houve tumulto. Elcirley requereu a presença da Polícia Militar, da gerência do Outback (ele estava estacionado em frente ao restaurante), da administração do shopping e dos agentes de trânsito que o haviam multado. Sabe, leitor, o que o motorista injustiçado conseguiu com o seu protesto? Nada. A multa não foi retirada e ele terá de apelar à Junta de Recursos da SMT.

Confira, abaixo, o relato que ele fez em seu perfil no Facebook:

…hoje em dia para explicar o Brasil para os filhos é meio complexo demais!!! Viajando com minha família, na cidade de Goiânia, no Shopping Flamboyant, de frente ao comércio Outback, um restaurante no estacionamento para ficar mais fácil entender, estacionei o carro numa vaga de PNE (PORTADOR DE NECESSIDADES ESPECIAIS), meu carro tem registro e é adesivado, cedido aos interessados na Prefeitura de Barra do Garças, sou usuário de uma prótese na perna esquerda, resumindo, preencho todos os requisitos para estacionar o carro com minha família no lugar indicado!!! Acontece que quando cheguei no estacionamento após o almoço de hoje verifiquei que meu carro tinha sido multado!! Com muita dificuldade (um verdadeiro suplício com o shopping) consegui fazer que os fiscais da SMT, voltassem para explicar a situação, fui advertido que eu estava errado, pois tinha que ser um adesivo da prefeitura de Goiânia e não o que prevê o CONTRAN!!! Pior!!! Na frente de minha família! Colocaram o carro da fiscalização bloqueando meu veículo e diziam que chamariam o guincho para apreender meu veículo!!! A sorte que sabia do 190!!! Liguei e a PMGO esteve presente!! O proprietário do OUTBACK também demonstrou total apoio no momento! Enfim, depois de horas no estacionamento e Delegacia para registrar tudo, afinal terei que me defender junto a JARI (junta administrativa de recursos de infração) para não ser multado), Fora o constrangimento, um dano moral quase irreparável pois estava em curso de Viagem até o DF!!!! Enfim, meus filhos me perguntaram o porque daquilo tudo!! VAI EXPLICAR NÉ!!! O total despreparo dos fiscais para com um PNE foi impressionante tanto com a Administração daquele local e os Fiscais da SMT – SECRETARIA MUNICIPAL DE TRÂNSITO de Goiânia foi tamanha que me pergunto? QUANTOS PNEs do Brasil passam por isso? Além da vaga às vezes não estar disponível por estar ocupado por um espertão no trânsito! FUI MULTADO!!! Mas questionarei todos em nome dos deficientes!!! Levarei essa bandeira!! Aos meus amigos resta pedir compartilhamento para divulgar as ações do shopping FLAMBOYANT em Goiânia, bem como a SMT!!! Por fim agradeço a PMGO que interviu e ao restaurante OUTBACK pelo apoio!!!

Compartilhe